Uma roda-gigante no meio do Guaíba

No que depender dos planos da prefeitura, dentro de mais alguns meses, Porto Alegre terá uma roda-gigante na orla do Guaíba. E não será qualquer roda-gigante e sim a (hoje) maior do Brasil, conforme anunciou com pompa o prefeito Nelson Marchezan Jr. (PSDB), em cerimônia na última sexta-feira, na qual estava presente o arquiteto Jaime Lerner, responsável pelo projeto de revitalização da orla.

A estrutura seria erguida em um novo aterro, construído próximo à foz do Arroio Dilúvio, no limite do trecho 2, que compreende o espaço entre a rótula das cuias e a foz. Ao contrário do trecho 1, que já está concluído e foi entregue no ano passado, e do 3, cujo resultado da licitação deve ser oficializado nesta semana, o 2 será bancado pela iniciativa privada. E o preço estimado é o mais elevado: 70 milhões reais, podendo variar no que depender do edital. Aliás: a prefeitura abre hoje o período de consulta pública.

Como contrapartida, a empresa que bancar a revitalização poderá explorar a venda de ingressos da roda-gigante, que, segundo a colunista Marta Sfredo, da Zero Hora, custariam entre 70 e 90 reais para um passeio de 32 minutos. A estrutura tem previsão de altura de 80 metros – algo como um prédio de 26 andares. Detalhe: será às margens do Guaíba, a dois quilômetros do polêmico projeto dos espigões ao lado do estádio Beira-Rio.

Números – Caso estivesse pronta hoje, a roda-gigante de Porto Alegre seria a mais alta do Brasil, superando com folga a do parque Hopi Hari, em São Paulo, que tem 44 metros de altura. No entanto, o recorde duraria pouco. Até novembro deve começar a funcionar a Rio Star, com 90 metros, na zona portuária do Rio de Janeiro. A projeção de ingressos lá, porém, é mais suave: 50 reais. Quanto à altura, para efeitos de comparação, a London Eye, uma das mais famosas do mundo, mede 135 metros. E atrai milhões de turistas.

Você está lendo a Matinal, uma newsletter de conteúdo criada para informar diariamente os gaúchos de forma rápida e prática. Todas as manhãs, enviamos um e-mail com as informações mais importantes do dia publicadas nos principais jornais e nas redes. Selecionamos os tópicos, explicamos por que aquilo é relevante e sintetizamos tudo em uma única newsletter. Em cinco minutos você fica por dentro do que está acontecendo em Porto Alegre e no RS. E o melhor: de graça!


Você também precisa saber

Violência – Um jogador da equipe de futsal do Corinthians foi morto na madrugada de ontem, em Erechim, no norte gaúcho. Douglas Nunes da Silva, de 27 anos, foi baleado na saída de uma casa noturna por um homem, que acabou preso horas mais tarde e confessou o crime. Conforme versão apresentada na delegacia, o atirador e o jogador haviam se desentendido dentro do bar devido a uma conta, e uma briga teria se iniciado ainda no interior da boate. O time do Corinthians disputava a Taça Brasil de futsal no município. A final, marcada para ontem, foi adiada, por ora, para terça-feira.

Obras públicas – Uma reportagem publicada na edição deste final de semana de Zero Hora explica por que a construção da trincheira da Ceará, um túnel de apenas 320 metros na Zona Norte da Capital, que já dura seis anos e oito meses, é tão demorada. A cada minuto verte de lá 15 litros de água sobre a estrutura de concreto, construída em meio a um lençol freático. Para drenar esta água, três bombas serão usadas alternadamente. Este, entre outros motivos, levaram a obra que estimada em 29,5 milhões de reais, a ultrapassar os 39 milhões. “A grande lição é que não devemos nunca lançar uma licitação sem um projeto básico com um detalhamento grande. Todas as obras da Copa foram feitas com base em anteprojetos muito básicos”, afirmou o secretário Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Marcelo Gazen.

Vestibular – A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) divulgou na sexta-feira o edital para o concurso Vestibular 2020. Com a decisão de fazer as provas em novembro e dezembro, a UFRGS não poderá usar a nota do Enem para incrementar o desempenho dos candidatos. Mas 30% das vagas seguirão reservadas para acesso via Sistema de Seleção Unificada (SiSU). O período de inscrições abre no dia 19 de agosto e vai até 16 de setembro, e o valor da taxa de inscrição subiu para 145 reais. O concurso da maior universidade do Estado oferecerá 3.980 vagas em 90 cursos de graduação. Acesse o edital aqui.

Outros links:

  • Demorou quase 3 meses, mas enfim acabaram as obras do Dmae que trancavam o trânsito na avenida Praia de Belas.
  • Ricardo José Neis, condenado pelo atropelamento de ciclistas em 2011, foi flagrado na semana passada dirigindo com a CNH cassada em Osório.
  • O Consulado dos EUA em Porto Alegre volta a disponibilizar o agendamento de vistos a partir de hoje, ainda de forma limitada.
  • O presidente Bolsonaro (PSL) desembarca hoje em Pelotas para inaugurar trechos duplicados da BR-116 (🤞 para que não venha com nenhuma piada com pelotenses).

Esportes

Com a cabeça nos mata-matas, a Dupla Gre-Nal não teve um bom fim de semana no Campeonato Brasileiro. No sábado e jogando com reservas, o Grêmio perdeu por 3 a 1 para o Flamengo. No dia seguinte, o Inter, mesmo com os titulares, não passou do 0 a 0 com o Corinthians, na manhã do dia dos pais, no Beira-Rio. Agora os colorados têm uma semana preciosa para treinamentos, enquanto os tricolores voltam a campo na quarta-feira, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, contra o Athletico.

E os Jogos Pan-Americanos tiveram fim ontem. O Brasil, pela primeira vez em 56 anos, ficou na segunda colocação no quadro geral de medalhas. Em Lima, os brasileiros tiveram o seu melhor desempenho na história, com 171 pódios, 55 medalhas de ouro, 45 de prata e 71 de bronze. Uma das últimas conquistas foi a da judoca gaúcha Mayra Aguiar, da Sogipa. Bicampeã mundial e duas vezes medalhista olímpica, ela ainda não tinha vencido o Pan.


Agenda

  • Hoje o consagrado ficcionista cubano Leonardo Padura fala sobre sua formação e referências no Teatro Renascença.
  • Também tem o Clube de Leitura no Instituto Ling. O bate-papo desta segunda é com o professor Ricardo Barbacena, que fala sobre o livro Histórias Extraordinárias, de Edgar Allan Poe.
  • Nas telas da Sala Redenção, a Mostra Woodstock, que comemora os 50 anos do festival mais icônico do rock, começa hoje com longas Gimme Shelter e Woodsktock – 3 Dias de Paz, Amor e Música.
  • E programe-se: O rapper Djonga se apresenta no Opinião na sexta; e sábado e domingo tem o 8º Festival do Japão.

Você viu?

Criada em abril, os Coloridos, torcida LGBT do Inter, acabou trocando de nome após sofrer ameaças de torcedores. “Colorido é também o xingamento homofóbico que a torcida gremista usa para ofender os colorados. A ideia era justamente ressignificar o termo”, falou Thiago Vargas, um dos integrantes do coletivo em entrevista à Folha de S. Paulo. Agora o grupo, que já tem 50 integrantes, foi rebatizado de Orgulho Vermelho. Mas, infelizmente, o grupo ainda não se identifica quando vai ao estádio, por medo de sofrer represálias.